Os nossos desejos para 2015

Os nossos desejos para 2015

É hábito a cada final de ano velho ou principio de ano novo ,apresentar-se os votos para o novo ano. E hoje é isso que venho fazer para o ano de 2015. Mas para além dos demais e curriqueiros votos que qualquer um apresenta, os nossos são direccionados ao sector que nos regula; o rodoviário.

São votos que não lançamos ao vento, aguardando que atinjam alguém ou que simplesmente se percam no tempo, na atmosfera, ficando cada um de nós com a sensação de missão cumprida. Não, os votos que desejo apresentar a todos, são votos verdadeiros, reais, exequíveis, alcançáveis, bastando para isso cada um de nós querer alcançá-lo.

Os meus votos para 2015

Os anos transactos têm sido deploráveis no que diz respeito a sinistralidade e suas consequências. Aqueles que se vêm, por culpa própria ou alheia, envolvidos num acidente rodoviário, em menor ou maior grau, são privados do seu bem-estar.

Para 2015 desejo que todos os condutores parem um minuto e façam uma reflexão silenciosa sobre os valores que aqui vamos, a par com outros, apresentando. Tentem perceber o que implica um acidente, com ou sem vitimas. Tentem colocar-se no lugar de um sinistrado com gravidade.

Para 2015 desejo que todos os condutores e demais utilizadores da via pública, se respeitem e respeitem os outros como desejam ser respeitados. Que cumpram com as normas, sinais e regras, do código da estrada e adoptem um código de conduta pessoal onde vigore alteração positiva de comportamentos e atitudes.

Para 2015 desejo que a taxa de sinistralidade baixe, pelo menos, 30%, assim como a mortalidade e os feridos graves e leves. esta nas nossas mãos conseguir isso, ainda que saibamos que no final alguém, que não nós, virá a terreiro vangloriar-se que conseguiu tamanho feito.

Desejo para 2015 que todos vós sejam felizes e uns optimos condutores e educadores rodoviários. Quanto a nós, continuaremos por aqui para vos auxiliar, singelamente, com os nossos conhecimentos e opiniões, assim como receptivos para recebermos um vosso contacto para abordarmos uma ou outra situação.

Foto¦ Discover