Quando as concentrações automóveis influenciam comportamentos

Quando as concentrações automóveis influenciam os comportamentos

Existem em Portugal diversos tipos de concentrações e encontros envolvendo automóveis, motociclos ou até ambos no mesmo espaço. São eventos, normalmente, organizados e com regras de segurança que os participantes devem respeitar para que todo o evento decorra sem acidentes.

Nesses encontros ou concentrações, dependendo do tipo de evento que é, desenvolvem-se bastantes atividades, indo de encontro ao setor em questão e ao divertimento de quem nele participa ou simplesmente desfruta como observador do que se vai desenrolando.

Uma influência negativa no comportamento

Uma vez que se realizam em parques fechados, distantes quanto baste do meio rodoviário, estes eventos têm, não apenas nos participantes, mas nos observadores apaixonados pelo tema, um efeito, por vezes nefasto.

Quando se organiza um evento de natureza rodoviária, seja concentrações de motos ou automóveis, de freestyle, corridas organizadas ou apenas demonstração de viaturas, confraternização de amantes de determinadas alterações, faz-se para que os participantes e aficionados possam desenvolver essa paixão com segurança.

Deste modo, quando soa a indicação de que o evento teve o seu término, devem os participantes, ativos ou passivos, perceber que, daquele recinto para fora, existem regras de segurança rodoviária que devem ter em linha de conta, de modo a preservar a segurança de todos.

Uma postura errada na estrada

Ao longo das concentrações desenvolvem-se atividades que não se podem realizar nas estradas. Essas atividades elevam nos participantes, ativos e passivos, o seu nível de adrenalina.

O que acontece é que, alguns deles, não têm a capacidade de dissipar esse estado adrenalínico atempadamente e transportam-nos para fora das concentrações, ou seja, para a via pública, desenvolvendo manobras de risco com comportamentos errados.

Infelizmente, todos os anos, seja após concentrações de motos ou de automóveis, é habitual escutar-se nos meios de comunicação social, que ocorrem acidentes rodoviários envolvendo condutores que estiveram, de alguma forma, associados às ditas concentrações.

Assim, devem os organizadores das concentrações ou encontros, desenvolverem ações integradas no evento, que promovam a segurança rodoviária, assim como distribuir pelos participantes algum material que lhes recorde que, manobras como as que são desenvolvidas nas concentrações, não devem ser praticadas na via pública.