Sintra, zona de turismo e de perigo rodoviário elevado.

Sintra, zona de turismo e de perigo rodoviário elevado

Sintra é uma zona de turismo de excelência, local que atraí milhares de visitantes a todas as suas atrações turísticas. Acontece que, este centro de turismo não teve em consideração a segurança dos peões, milhares, que diáriamente circulam nas vias pertencentes à localidade.

Para quem se desloca a Sintra em turismos, essencialmente, apesar de o fazer em situação de lazer, com a família ou em grupo organizado, poderá com enorme facilidade, ver-se envolvido numa questão de trânsito complicada para a sua segurança rodoviária, não apenas enquanto condutor, mas principalmente como peão.

As complicações no turismo de Sintra

Visitar Sintra e todas as suas atrações, é um principio que o turismo local promove, não apenas em Portugal, mas por todo o mundo. Quem se desloca à cidade e zona turística, percebe perfeitamente as mais diversas nacionalidades que por ali se deslocam.

Acontece que esse turismo deveria ser seguro, ao nível rodoviário, mas na realidade não o é. Ou seja, quem opta por se deslocar a pé na localidade ou nos acessos às atrações que o turismo local propõe, está sujeito à falta de espaço para a circulação a pé que ali acontece.

Percebendo que são alguns os quilómetros que os visitantes têm de realizar, o Turismo local dispõe de uma variada oferta de transportes aos seus visitantes. Autocarros, triciclos, táxis e Charretes. Até aqui, quase nada a apontar, não fossem os autocarros de dimensões elevadas, capazes de bloquear as estradas mais estreitas.

O grande problema prende-se com o facto de permitirem que viaturas particulares se desloquem nas vias extremamente estreitas de acesso a pontos de turismo como o Castelo dos Mouros ou o Palácio da Pena e não se promova um espaço seguro para os peões transitarem. Afinal, apesar de estreitas, as ruas são bastante inclinadas. Os peões têm de utilizar a zona de trânsito de veículos, com escassos espaços de fuga.

Sintra, zona de turis e de perigo elevado