As férias estão aí. Sabe arrumar as malas no carro?

Mala1

As férias estão aí e é hora de arrumar as malas no carro, reunir a família e “zarpar” em direção ao sol, à praia e ao calor.

Esta não é uma tarefa tão simples como pode parecer. Assim, siga as regras do Circula Seguro para que a viagem decorra sem sobressaltos.

Chegaram as férias. Tudo pronto. Malas arrumadas, brinquedos das crianças guardados e vontade de sair rumo ao destino do merecido descanso.
Fazer-se à estrada exige alguns cuidados com a bagagem para melhor garantir a segurança e o conforto dos passageiros no decorrer da viagem. O mais comum é a “arrumação” das malas e dos objetos de qualquer forma na mala do carro… correndo-se o risco de não caber tudo. Evite a qualquer custo tapar os vários campos de visão do veículo, seja dos lados ou atrás. Organize bem as suas malas para aproveitar ao máximo o espaço disponibilizado pelo seu automóvel. Não arrume a bagageira somente no dia da partida.

Faça-o no dia anterior. Tem mais tempo, e no próprio dia, o seu pensamento concentra-se apenas no “arrancar”. Não carregue coisas desnecessárias para não deixar o carro cheio de tal forma que vai acabar a influenciar o consumo. Tente equilibrar os pesos no espaço que tem disponível para as arrumações, de forma a não colocar nenhum amortecedor em esforço. Utilize malas de formatos diferentes para conseguir encaixar tudo e aproveitar o espaço na totalidade. Malas muito grandes são difíceis de arrumar. Tente utilizar malas mais pequenas. A condução com o carro carregado também requer atenções redobradas. Siga as dicas do Circula Seguro e tenha umas férias em segurança.

As nossas/suas dicas

1 – Faça uma lista – Elabore uma lista uns dias antes da partida com tudo o que é necessário para a viagem. Assim vai ter uma noção dos artigos a levar e pode pensar onde os vai arrumar no espaço da mala. Fica também com uma ideia real se haverá espaço para tudo.

2 – Organize toda a bagagem – Organize a bagagem por categorias. Tente utilizar malas de formatos variados para conseguir aproveitar todos os recantos da bagageira. Malas grandes são difíceis de encaixar e tornam-se desconfortáveis.

3 – Mais pesados em baixo – Os volumes mais pesados devem ser colocados no fundo da bagageira. As malas maiores e rígidas ficam em baixo. Por cima encaixe a bagagem mais flexível e os objetos frágeis. Divida a bagagem por peso de forma a equilibrar o carro.

Mala2

4 – E os objetos soltos? – Não deixe nunca nenhum objeto solto dentro do carro. Tente acomodar tudo debaixo da chapeleira. No habitáculo também não se deve viajar com objetos soltos. Em caso de acidente, o resultado será desastroso.

5 – Rede será o ideal – Tenha sempre uma rede de bagageira à mão. Se necessitar tire a chapeleira e coloque a rede por cima da carga e prenda-a aos ganchos de fixação. Zele pela sua segurança e pela dos seus.

Mala3

6 – Bagageira de tejadilho – Caso precise levar objetos em cima do carro, opte pela montagem de uma bagageira de tejadilho. As mais recomendáveis são as que se podem abrir dos dois lados. Carregue-a sempre com os objetos mais pesados.

A carga e o comportamento do carro

Com carga, o carro comporta-se de forma diferente do que quando circula vazio, ou quase. A aceleração ressente-se e levamos mais tempo a alcançar a velocidade desejada. Podemos calcular que, por cada 100 kg de carga, um automóvel normal vai levar mais um segundo a percorrer o quilómetro de arranque. O mesmo sucede com as travagens: as distâncias aumentam, e em alguns casos chegam a “crescer” 4 metros. Se o piso estiver molhado, podem chegar a discrepâncias de 8 m. Assim, para que tudo isto não se verifique, convém ter a carga bem arrumada e equilibrada dentro do carro.