Preparar o carro para as deslocações de Natal

Quando chega o Natal, aumenta a saudade. Com a disponibilidade das crianças, graças às férias escolares, os pais arranjam forma de se juntarem aos mais novos. Com o tempo disponível muitos optam por visitar a família que mora longe.

O Natal é época de partilha e alegria, juntando toda a família ao redor da mesa. Mas para lá chegar é necessário viajar, para isso devemos garantir que a mesma decorrerá sem contratempos. Veja o que pode ajudar a desfrutar de um Natal feliz e em família.
Quando se aproxima a data de partida algumas pessoas ficam com receio de levar o carro para grandes viagens. O receio aumenta, justificadamente, com o aumento da idade e da quilometragem do veículo. Mas com um plano podemos evitar dissabores.

Preparação é a chave

Em viagens longas, o percurso geralmente inclui muitos quilómetros em autoestrada. Estas vias têm como vantagem a consistência da velocidade o que exige menos do motor, caixa de velocidades e embraiagem.

Porém a velocidade mais elevada que a média, exige mais dos pneus, jantes e dos componentes das suspensões. Portanto estes serão os primeiros elementos a serem profundamente verificados antes da viagem natalícia.

Para facilitar a lista de “tarefas” vou dividir por grupos de ações a ter em atenção. Se segui-las poderá encarar a estrada sem preocupações e de consciência tranquila. Mesmo sabendo que até os carros novos por vezes avariam.

Duas semanas antes da viagem

Confirme para quando está prevista a próxima revisão do seu carro. Se faltarem menos quilómetros que os previstos para a viagem, faça-a já. Assim poderá viajar descansado. Verifique, também, quanto falta para trocar as peças de desgaste mais importantes. Por exemplo, confirme a duração prevista do filtro do ar ou da correia da distribuição.

Caso a viagem natalícia seja ao estrangeiro a correta preparação impedirá que fique apeado num outro país. Não se esqueça de verificar os sulcos dos pneus. Proceda da mesma forma que lhe indiquei para a mudança de óleo, se estiver próximo de necessitar de trocar, troque.

A pressão dos pneus também é muito importante, se for insuficiente o consumo será superior ao normal. Mais importante é a segurança que também ficará comprometida. Caso viaje com carga e passageiros confirme qual é a pressão recomendada para o peso que pretende levar.

Não se esqueça que convém o pneu suplente também estar corretamente inflado. Já que está a mexer nessa zona da viatura aproveite e verifique que possui a chave de rodas, o macaco e eventualmente o adaptador da porca de segurança, caso as utilize.

Verifique também os documentos, todos eles. O Documento Único Automóvel (DUA), ou livrete e o registo de propriedade. É fundamental possuir seguro válido. Válido, não só em Portugal, mas também para o seu destino, assim como para todos os países que irá percorrer.

Caso verifique que algum dos países não está coberto, fale com a sua seguradora. A companhia de seguros irá disponibilizar-lhe uma extensão da cobertura para esse país. Indique os dias em causa, será sempre mais em conta que solicitar uma extensão permanente.

Na semana antes da viagem

Sabe que quando mais pesado está um veículo, mais esforço será necessário para o movimentar e mais combustível vai gastar. Então proceda à limpeza das tralhas. Remova todos os itens que não necessita, inspecione tudo na bagageira, porta-luvas e demais compartimentos no habitáculo.

Tudo o que afeta a aerodinâmica também prejudica o consumo. Se possui barras no tejadilho, ou suporte traseiro para carregar bicicletas, que não vai levar na viagem… retire-as. Transporte somente o que necessita.

Reveja o percurso que pretende fazer, não se esqueça de incluir os tempos e locais de descanso. Programe-os de 2 em 2 horas, assim todos poderão “esticar” as pernas e o condutor pode relaxar alguns minutos. Inclua pequenos lanches nas paragens para saciar a fome.

Na véspera da partida

Limpe todo o interior do carro, todos agradecem! A limpeza do exterior é algo que pode ser discutível. Se o carro está muito limpo pode atrair mais a atenção e atrair ladrões, mas também acontecerá o mesmo se estiver muito sujo.

Aconselho a lavá-lo antes de iniciar a viagem e depois adequar a limpeza aos outros veículos da zona para onde viaja. Convém verificar novamente a pressão dos pneus, só para garantir que continua nos valores corretos.

Ateste o depósito, ou então encha o necessário para passar a fronteira, pois em Espanha conseguirá reabastecer a preços mais baixos que em Portugal. Não esqueça de fazer as malas.

Chegou o dia

Coloque as malas de maior peso junto das costas dos bancos e distribua as restantes equitativamente de ambos os lados. Certifique-se que não excedeu o peso máximo recomendado para o seu carro.

Garanta também que as bagagens ficam bem-acondicionadas. Assim não podem provocar desequilíbrios no veículo e embates que podem ser danosos na restante bagagem.

Durma bem na noite anterior e comece a arrumação do veículo com tempo suficiente e sem stress. Defina uma hora para sair, garanta que todos sabem qual a hora que vão partir e o que tem para fazer. Mas seja tolerante, pois está de férias e não serve de nada estas começarem mal.

Em viagem…

Durante a viagem, faça uma paragem de duas em duas horas para relaxar da condução. Se preferir pode ir trocando de condutor, consegue assim prolongar a distancia percorrida de forma segura. Mas não prolongue em demasia os percursos.

Com o decorrer da viagem podem suceder imprevistos. O melhor aliado para os evitar é a manutenção preventiva e uma condução segura. Juntando estes dois elementos irá reduzir a probabilidade de ter dissabores na viagem.

Foto | Printboek