Novas estatísticas de testes de segurança levantam a questão: O que faz os carros serem seguros?

crash

Se pensa que ter airbags frontais e laterais além de ABS é o suficiente para que o seu carro tenha um classificação de 5 estrelas dos testes de segurança da EuroNcap, engana-se.

A EuroNcap lançou uma lista de veículos mais seguros testados em 2013 que são comercializados em 2014 e a descoberta mais notável é que o número de veículos que ganham o cobiçado estatuto de Top Safety da agência para 2014 caiu drasticamente.

A razão para essa queda é que a EuroNcap está a usar critérios mais rígidos para refletir os riscos de acidentes do mundo real e está a premiar construtores para a nova tecnologia que ajuda a prevenir acidentes em primeiro lugar. Agora, para ganhar a mais alta classificação da agência de segurança, 5 estrelas, os carros precisam de ter um bom desempenho na bateria normal de testes de segurança, mas também devem atingir um “bom” ou “aceitável” na classificação em acidentes de ângulo frontal e têm de ter tecnologia que adverte motoristas distraídos de um acidente iminente, até mesmo travagem automática em alguns casos.

8107539280_5a1faf177f_c

Um total de 23 veículos ganharam as 5 estrelas de classificação por satisfazer os mais elevados padrões. Mas a grande surpresa foi o teste do Mercedes Benz CITAN Kombi ficou-se pelas 3 estrelas, sendo uma marca tão boa não se estava à espera mesmo sendo um carro comercial.

“Fizemos o mais difícil para os fabricantes deste ano”, diz o presidente da EuroNcap. “Após uma fase gradual, o pequeno acidente de sobreposição agora faz parte da nossa bateria básica de testes, e o desempenho bom ou aceitável deve ser parte de credenciais de segurança de todos os veículos. Nós também sentimos que estava na hora de oferecer reconhecimento adicional para os fabricantes que estão a dar ou vender uma tecnologia de prevenção de acidentes comprovada “.

O teste de colisão de sobreposição pequena, em que 25 por cento da extremidade dianteira de um veículo do lado do motorista atinge uma barreira rígida a 60 km/h, tem a intenção de simular o que acontece quando o canto da frente de um veículo colide com outro veículo ou um objeto como uma árvore ou poste.

Tecnologia de prevenção de acidentes varia muito, de sistemas de alerta básicos, desde os oferecidos no Ford Focus, Volkswagen Golf até à EyeSight da Subaru e o sistema autobrake. Ainda o sistema de avistamento do obstáculos que evita uma colisão quer a 15km/h ou 50km/h e está disponível em muitos modelos mas, infelizmente, muitos destes sistemas de prevenção de acidente são opcionais, assim os vencedores só tem as 5 estrelas quando equipados com o sistema. Um punhado de carros, incluindo o Volvo S60, S80 e XC60 e o híbrido Honda Civic, ganharam o prémio de topo com base no equipamento standard, mas na maior parte das vezes na Europa e principalmente em Portugal estes equipamentos não são escolhidos.

vw golf

“Existem algumas marcas que estão realmente a levar estes equipamentos a sério”. “Essas marcas estão bem mais à frente. Este “campeonato” é mais sobre quem vai na frente do que quem está a trás”.

A Toyota, cujos desempenho fraco dos carros nos testes de segurança mais rígidos no passado, pelo menos viu um pouco de boas notícias com o Toyota corolla a qualificar-se para a segunda classificação mais alta depois de algumas atualizações. Embora o corolla não tenha marcado por uma reformulação completa em 2014, a marca reforçou o quadro para o novo ano-modelo, o que levou a EuroNcap a dar a sua classificação de 5 estrelas com 90% de proteção para os adultos e 86% para crianças, para 2014

A única carrinha de mercadorias a ganhar a pontuação máxima foi a Ford Tourneo Connect, obetendo 94% de proteção para os adultos e 85% para crianças, notável, principalmente porque é a primeira vez que um modelo deste segmento tem 5 estrelas EuroNcap. As novas classificações de segurança também mostram que um carro não precisa ser grande para ser seguro.

Chagamos à conclusão que muitos carros pequenos que antes não conseguiam alcançar as 5 estrelas apenas o conseguem fazer devido aos sistemas de segurança complementar como travagem automática, na realidade, na hora do embate os carros maiores e de marcas mais luxuosas continuam a ser mais seguros, embora os pequenos não o deixem de ser, mas são este sistemas eletrónicos que permitiram aos carros pequenos darem o salto.

Aqui fica a lista dos carros mais seguros testados em 2013.

1 2