Sabia que pode trocar os amortecedores da bagageira?

A troca dos amortecedores da bagageira pode parecer uma tarefa só para profissionais. Mas não, com uma simples chave de fendas pode substituir os amortecedores da tampa da mala já cansados por uns novos em menos de meia hora. O Circula Seguro explica-lhe como fazer. O problema é mesmo o preço destes amortecedores, é elevado.

Os amortecedores da bagageira são fundamentais para o bom funcionamento do veículo. É composto por um pequeno pistão que se desloca no interior de uma barra fixa em ambos os lados na porta bagageira.

Os amortecedores da porta são indispensáveis para a suspensão da porta bagageira ou do capot, permitindo também que estes elementos permaneçam abertos. Dependendo do tempo de vida do seu veículo ou da utilização que dá à tampa da mala, vai chegar uma altura em que este vão perder flexibilidade.

Não é difícil encontrarmos em alguns supermercados, na hora de arrumar as compras, alguns veículos com um pau a suportar a tampa da mala. Quer dizer que os amortecedores da tampa da bagageira chegaram ao seu fim de vida. O problema que surge neste momento é? Serei ou não capaz de substituir estes amortecedores?

Terei de recorrer à oficina e gastar mais uns euros? Garantimos, desde já, que não precisa de ser nenhum mecânico para substituir os amortecedores da bagageira. Desde que não tenha portão de abertura elétrica, a substituição é simples. 

Em apenas alguns minutos e recorrendo aos passos que o Circula Seguro lhe vai explicar em seguida, vai conseguir substituir os amortecedores velhos pelos novos sem grande dificuldade, basta que compre os amortecedores adequados à marca e modelo do seu carro. Com uma simples chaves de fendas e alguns minutos do seu tempo, vai trocar este componente sem grande dificuldade.

1 – Coloque um apoio

Se as molas da bagageira ou do capot estiverem sem força e decidir trocá-las, comece por abrir, por exemplo, a tampa da mala e ampará-la com um pau até ao limite, para que, quando colocar o amortecedor novo, este ficar esticado até ao seu limite.

Observe a patilha

2 – Na zona do encaixe do amortecedor à tampa da mala pode observar um pequena patilha, tipo anel, que prende o amortecedor ao encaixe.

Retire a patilha

3 – Com um chave de fendas retire a patilha. Existe um pequeno espaço onde pode encaixar a ponta da chave de fendas. Tenha cuidado ao retirar a patilha. Está muito fechada para fazer força sobre o encaixe. Exerça alguma força sobre ela.

Faça o mesmo do lado oposto

4 – Realize exatamente a mesma ação na outra extremidade do amortecedor. Desta forma ficará solto e pronto a retirar.

Troque os amortecedores

5 – Retire o velho e coloque o novo. Sempre com o pau de apoio a forçar a tampa ao seu limite. Encaixe o amortecedor novo e coloque a patilha que força o amortecedor no encaixe. Provavelmente vai precisar de abrir um pouco esta espécie de anel para conseguir colocá-lo no local onde estava.

Agora do outro lado

6 – Faça o mesmo do outro lado da tampa da mala ou no capot, dependendo do local onde está a trocar o amortecedor. Realize o mesmo procedimento que referimos anteriormente.

Mãos à obra

Existem no mercado várias marcas de amortecedores de mala e de capot: Kilen, Febi Bilstein, Monroe, Bolk, entre outras. Estas são vendidas em lojas da especialidade com preços que variam consoante a marca e o modelo do veículo, entre os 20 e os 50 euros. Na hora da compra, tem de ter apenas atenção, no caso do capot, de que lado está montado o amortecedor, para que não adquira um componente para o lado contrário. No caso das bagageira, normalmente compra o par que está adequado ao modelo e aos encaixes desse modelo. Em relação às ferramentas, basta uma chave de fendas para realizar esta tarefa.

Fotos: Wikipédia