Saiba como melhor se preparar para o seu exame de condução

Saiba como melhor se preparar para o seu exame de condução

Um exame de condução é a fase final do processo de aprendizagem e formação de quem pretende adquirir um título que o habilite a conduzir um veículo, seja ele de que categoria for. É sempre o ponto alto de todo o processo e pensar-se na palavra exame, provoca, de modo geral, um formigueiro na barriga.

Mas afinal, será o exame de condução uma prova tão difícil e complicada como a tradição do passa a palavra quer fazer parecer, ou é apenas um momento em que alguém vai avaliar os nossos conhecimentos teóricos e práticos e avalizar a nossa capacidade para enfrentarmos o meio rodoviário, sozinhos?

Um exame de condução e um estado de espírito alterado

O exame de condução automóvel está dividido em duas partes, assim como a aprendizagem ou o processo formativo, teórico e pratico. A formação, apesar de ser, segundo a legislação em vigor, efetuada em simultâneo, o que até é bastante positivo, vê a avaliação ser efectuada separadamente; primeiro a teórica, através de um exame multimédia e a segunda, através de um exame prático.

Quando uma pessoa avança para a inscrição numa escola de condução para se propor a adquirir formação capaz de a levar a ser titular de um documento que lhe permita conduzir uma viatura, credenciada, fá-lo no sentido de que tal seja um processo simples, rápido e positivo.

 

No entanto, sabe que, à partida, quando chegar a data de prestar provas, alguma quantidade de nervos a vai invadir (são raros os casos em que a pessoa não se sente um pouco nervosa), criando um estado de espírito de insegurança, mesmo sabendo-se preparada.

Não é possível realizar-se um exame teórico ou prático se não se estiver preparado para tal. E essa preparação não é igual, na capacidade pessoal, para todos da mesma forma. Ou seja, nem todos temos a mesma capacidade cognitiva para apreender uma determinada matéria ou processo de rotina.

Saiba como melhor se preparar para o seu exame de condução

Assim, torna-se imperial que cada um de nós tente perceber as suas capacidades e limitações, no sentido de encontrar o melhor processo de aprendizagem, com a finalidade de conseguir realizar o exame teórico e o exame prático com a maior qualidade possível, com vista a uma aprovação.

O Circula Seguro deixa aqui umas dicas para que possa realizar o seu exame teórico e prático de condução com a menor pressão possível:

Cada coisa no seu lugar

Existe, em cada candidato a condutor, a tentação de, mesmo antes de se inscrever numa escola de condução, tentar aprender a conduzir, seja com os pais, seja com algum amigo. Esta é uma iniciativa que se pode vir a mostrar prejudicial à sua aprendizagem, uma vez que os pais ou os amigos não têm formação adequada para desenvolver esses ensinamentos e, certamente, já têm alguns “vícios” que desenvolveram ao longo da sua experiência como condutores.

O exame teórico de condução

Se pensa que pode desenvolver o exame teórico apenas com a sua aprendizagem caseira no desenvolvimento da bateria de testes que se vendem ou que estão disponíveis na web, esse pensamento está de todo errado e vai, certamente, trazer maus resultados. Frequentar as aulas de ensino teórico, vai permitir-lhe esclarecer dúvidas com o formador que está dentro da sala e dessa forma perceber como deve interpretar as questões que são apresentadas nos testes.

O exame prático de condução

A parte prática da aprendizagem é totalmente diferente da teórica. Assim como são diferentes duas pessoas. Sabendo-se que a lei prevê que um candidato apenas esteja obrigado a realizar 32 horas de formação e 500 quilómetros, para a categoria “B”, estes números podem não ser suficientes.

Para que se possa preparar adequadamente para o seu exame prático, ou seja, para que se possa sentir confiante para realizar a prova sem sobressaltos, deverá escutar o que o seu formador tem para lhe dizer.

Oiça-o com atenção e, se ele lhe aconselhar a realizar mais horas de formação, não pense que ele quer que gaste mais dinheiro; acredite, ele quer sim é que se prepare bem e aprove, evitando assim gastar mais euros em novos pedidos de exame, mais aulas extras obrigatórias e tempo de espera por marcação de novo exame. Confie no seu formador, ou mude para outro, se não confiar no que tem.

Durante o exame teórico e prático 

Durante o seu exame teórico, leia com atenção todas as perguntas e respostas que lhe são apresentadas. Tem 30 minutos para realizar a sua prova (cat. B).

Na prova prática, tente manter a calma e controle a sua ansiedade. Pense antes de executar as tarefas e se não perceber alguma indicação apresentada pelo examinador, não hesite em pedir que lha repita. Mantenha-se atento(a) e desenvolva a condução tal como aprendeu ao longo da sua formação.

Manobras e conceitos em exame 

Não lhe vai ser solicitado nada durante a sua prova de avaliação que não tenha desenvolvido ao longo das aulas teóricas e práticas. Durante o exame prático, vai ser-lhe solicitado, entre outras coisas, que desenvolva as seguintes manobras:

  • Inversão de sentido de marcha com recurso à marcha-atrás
  • Contorno de passeio em curva em marcha-atrás
  • Arranque em rampa com inclinação
  • Estacionamento em espinha e em linha
  • Manobra de mudança de direcção
  • Alteração de fila de trânsito
  • Trabalho de caixa de velocidades, utilizando todas as relações disponíveis.

Essencialmente, prepare-se com a ajuda dos seu formador e desenvolva a sua prova com confiança e tranquilidade.