Estacionamento irregular, coloca em perigo os peões

Estacionamento ilegal coloca em perigo os peões

A circulação dos utilizadores da via pública, leia-se veículos, peões e animais, deve ser efectuado em harmonia, tendo sempre em consideração, nos comportamentos, a segurança de todos. Jamais os peões podem actuar de modo a obrigar os condutores a manobras de recurso para evitar atropelamentos, assim como jamais poderão os condutores ter uma prática que vá contra a segurança dos peões.

Isso acontece durante a circulação, mas também durante o estacionamento, não apenas de veículos, mas também de peões. Sim, porque quando os peões se estacionam para se manterem em diálogo uns com os outros, ocupando a via de circulação para os seus pares, obrigando-os a circularem na faixa-de-rodagem, estão a condicionar a segurança dos demais.

Um estacionamento que condiciona a circulação e visibilidade

Quando o estacionamento é mal realizado, esse pode condicionar a segurança dos outros, sejam eles condutores ou peões. Na imagem pode ver-se que existem dois veículos mal estacionados, comprometendo ambos a circulação e segurança dos peões.

Sabendo-se que esta é uma via de elevado tráfego automóvel, o facto que existirem automóveis estacionados sobre o passeio, obrigam, em muitos casos, a que os peões tenham de circular na faixa de rodagem. Não sendo muito larga, nesta rua circulam autocarros de boas dimensões, o que aumenta o perigo de atropelamento.

Já relativamente ao condutor que ficou em estacionamento na passadeira, não só condiciona a visibilidade aos peões que pretendam atravessar a faixa-de-rodagem, como também condiciona a visibilidade aos condutores que se aproximam do espaço destinado à travessia de peões.