Artigos na etiqueta polícia

Um começo diferente para gente igual, na segurança rodoviária

um começo diferente para gente igual

O novo ano trouxe consigo, como é habitual, alterações a determinados procedimentos da legislação do código da estrada; entre eles, a intenção de se introduzir a necessidade de frequência de ações de formação na revalidação das cartas de condução.

No entanto, com o novo ano chega, também, os habituais festejos, deslocações, folia e euforia dos foliões. Uma quantidade de viaturas que se deslocam ou deslocaram entre pontos, uma vez nem todos habitamos nos locais de grandes festejos. Ler mais…

Exemplo é um comportamento que vem de cima e deve servir para promover boas posturas dos demais

Exemplo é um comportamento que vem de cima e deve servir de promoção de boas posturas aos demais

Exemplo é o que se pretende das autoridades, sejam quais elas forem, deste pequeno país que é Portugal. Esse exemplo de comportamentos, deve servir para a promoção de boas posturas e não para criar um sentimento de revolta e impunidade para os infractores, apenas por que ocupam lugares de fiscalização.

O que a foto representa é um abuso de poder promovido por quem conduzia a viatura da Polícia de Segurança Pública, não sendo no entanto representativa da classe. Assim se espera. No entanto, não sendo esta a primeira vez que se vê uma viatura de uma força de fiscalização em transgressão, deixa de haver um bom exemplo e uma moral para se alertar quem quer que esteja a prevaricar.

Ler mais…

“Operação Natal Tranquilo 2015”, os números registados.

Operação Natal Tranquilo 2915

À imagem com o que vem sido desenvolvido nos últimos anos e em ocasiões especiais, também este ano a Guarda Nacional Republicana – GNR, colocou no terreno mais uma operação de fiscalização, controlo e orientação rodoviária, cujo nome apelativo foi “Operação Natal Tranquilo 2015”.

Pretende-se, com este tipo de intervenções, que as deslocações de milhares de viaturas e pessoas se façam com grande segurança, diminuindo desta feita o número de acidentes rodoviários e as suas inerentes consequências, feridos leves, graves e as mortes associadas.

Ler mais…

Nunca a caça à multa foi prevenção rodoviária

Nunca a caça à multa foi prevenção

Nunca a caça à multa foi ou será prevenção rodoviária em Portugal ou em outro país do planeta. A caça à multa é e sempre será uma forma de encher os cofres dos Estados que a promovem, visando essencialmente a penalização e não a sensibilização e pedagogia.

Quando uma entidade de fiscalização, seja ela a Polícia de Segurança Pública ou a Guarda Nacional Republicana, avança para o terreno com equipamento destinado ao controlo da velocidade que os condutores aplicam nas suas viaturas, deveriam fazê-lo de forma assertiva e denunciada. Se o fizessem dessa forma, aí sim, estavam a promover a prevenção.

Ler mais…

Qual a real função dos limites de velocidade nas estradas portuguesas? (parte 4)

Esta é a parte 4 e última parte desta série de artigos que explicam ao pormenor o porquê dos limites de velocidade. Sei que já deve estar farto deste tema mas a verdade é que todos nos sabemos que os limites de velocidade em alguns locais são completamente desproporcionais à realidade mas é necessário saber o porquê através de dados factuais e não baseado em simples opiniões.

Ler mais…