Artigos na etiqueta Segurança rodoviária em auto-estradas

Vias de aceleração nas entradas das auto-estradas

Via de aceleração nas auto-estradas

As auto-estradas são vias que servem, essencialmente, para diminuir o tempo de ligação entre duas localidades. São vias onde se transita mais rápido do que as vias comuns e onde nem todos os veículos podem circular, pelas características que estas vias tão específicas proporcionam.

Uma vez que nas auto-estradas se pode circular a velocidades superiores, também é verdade que as distâncias percorridas por segundo são maiores que nas vias comuns, onde a velocidade é mais baixa… bem mais baixa.

Ler mais…

Há um vírus a assolar as estradas nacionais: os toscos da faixa do meio

Faixa do meio - CS

Há um vírus que assola todas as estradas nacionais, falamos de autoestradas. Não escolhe géneros, idades ou carteiras. Podemos chamar-lhes os toscos da faixa do meio.

Sinceramente não percebo há condutores que conseguem andar quilómetros na faixa errada, o código da estrada prevê que se ande o mais à direita possível, ora sempre que há três faixas grande parte dos condutores andam na faixa do meio, talvez seja por medo da faixa da direita, podem fazer a ligação com a direita política, não sei.

Ler mais…

Regresso de férias em horas de ponta

Regresso de férias

Com a chegada do verão, normalmente, as famílias portuguesas procuram uns dias de férias e repouso, capazes de retemperar forças que proporcionem um ano restante de trabalho. São dias de sol, praia ou campo, aventuras sem fim.

No entanto, como tudo o que é bom termina rápido, a cada quinze dias, existe um regresso a casa e uma nova vaga de veraneantes a deslocarem-se para os seus pontos de férias. Esse fluxo de retorno ou de partida surge, grande parte das vezes, ao final do dia, em busca de temperaturas mais amenas.

Ler mais…

Auto-estrada, por onde circular?

Circulação em Auto-estrada

Já aqui abordamos num post anterior a temática auto-estrada, nomeadamente “Auto-estrada, uma entrada ou uma saída?” e “Destroços nas auto-estradas“. Nestes posts verificaram-se que existem dificuldades, para alguns condutores, de perceber se se trata de uma entrada ou saída, levando este erro a que algumas sejam as vezes em que nos deparamos com condutores a circularem em sentido oposto ao estabelecido.

No que diz respeito à questão dos destroços nas auto-estradas, foi abordada a questão do surgimento destas vias na rede rodoviária portuguesa, assim como a responsabilidade das entidades concessionárias e  seus direitos, assim como as dos utilizadores.

Ler mais…

Sim: a via de aceleração serve para acelelar

Via de aceleração na auto-estrada

Há um ponto no que toca à circulação, que ficou gravado em nossas memórias na mais terna infância e quando andávamos a estudar para tirar carta de condução, muitas vezes é esquecido quando nos fazemos à estrada. Apenas necessita de dar uma olhada no trânsito em qualquer dia, a qualquer hora da manhã ou da tarde, para ver até que ponto isto é verdade.

Por isso, hoje vamos relembrar qual é a forma mais segura de realizar a incorporação numa via rápida ( seja ela estrada, autoestrada, via para automóveis ou uma simples rodovia convencional, com o layout típico de um traçado de alta capacidade), pelo que o mais importante é entender por que essa é a maneira correta de fazer a incorporação.

Ler mais…

Auto-estrada, uma entrada ou uma saída?

Auto-estrada

Uma, outra e uma vez mais surge na comunicação social a noticia de mais um acidente frontal na auto-estrada A,B,C ou D. Mais uma quantidade de mortes, feridos graves e muita, muita indignação surpresa, revolta e interrogações em busca de respostas que tardam em chegar ou que muitas das vezes se esfumam no ar.

Um e mais outro condutor que foi detetado e parado a tempo de provocar um acidente, circulando em sentido oposto na auto-estrada E,F,G ou H e que se verifica ser um condutor sénior, onde a justificação é, em norma, o engano no acesso à respetiva via de circulação por razões que se cruzam, muitas vezes com a confusão que o mesmo acesso promove aos condutores.

Ler mais…

Destroços nas auto-estradas

Destroços nas auto-estradas

Em Portugal, o conceito auto-estrada é um conceito recente na história do meio rodoviário. Ou seja, apesar da construção da A1 que liga Lisboa ao Porto ter sido iniciada ainda no tempo do regime de Salazar, a verdade é que apenas após 30 anos foi conseguida a ligação entre as duas maiores cidades portuguesas.

Foi no final dos anos 80 e ao longo dos anos 90 que, com a entrada dos dinheiros europeus, se deu inicio a uma revolução na rede rodoviária nacional com a construção de um conjunto de auto-estradas e vias equiparadas que ligam o Norte ao Sul do país e o Litoral ao Interior.

Ler mais…