Planeamento da manutenção do seu meio de transporte

Os veículos são constituídos por diversos sistemas, com características específicas para cada veículo e com vidas úteis calculadas pelos fabricantes. Para facilitar verificações e manutenções é desenvolvido e disponibilizado, ao proprietário e aos técnicos de reparação, manuais do veículo.

Quando compra um veículo deve se inteirar da manutenção que necessitará de seguir para garantir o correto usufruto do mesmo. Planear a manutenção é um dos cuidados que deverá ter se quiser que a “relação” com o seu carro não seja sobrecarregada de dissabores. Saiba mais já a seguir.

Um planeamento da manutenção, basicamente o calendarizar da manutenção preventiva, é essencial para potenciar o uso reduzindo os custos. O utilizador recebe o manual do proprietário onde estão as informações pertinentes ao uso do veículo. Já os técnicos de manutenção devem recebem o manual técnico de reparação de todos os sistemas do veículo.

No plano de manutenção preventiva que criar deve constar todas as informações úteis que indiquem de forma intuitiva qual a intervenção seguinte. Sejam estas limitadas quer por data ou por quilómetros para a sua execução. Fazer e manter o registo de todas as atividades de manutenção é um primeiro passo para garantir que a periodicidade é a adequada. Serve também para evitar manutenções desnecessárias ou desajustadas.

O plano de manutenção deve ser elaborado em forma de guia, servindo de apoio a todos os utilizadores do veículo, caso seja mais que uma pessoa a utilizá-lo. Assim todos os envolvidos podem confirmar o ponto da situação a cada momento e agendar as tarefas de forma padronizada, atempada e segura.

Desvantagens da falta de planeamento da manutenção

Caso não realize a devida manutenção do veículo não conseguirá ficar isento de culpa no caso de falha do veículo. Isto inclui a garantia do fabricante. O fabricante garante o seu produto por determinado tempo, ou número de quilómetros, somente se efetuar a sua parte. Dessa forma, cabe a si garantir a manutenção adequada do veículo.

Um veículo, quando novo, possui (deveria ter) todos os componentes em perfeito estado de funcionamento,  tendo suas medidas e folgas pré-estabelecidas pelo fabricante. Mas, com o uso, é normal os componentes sofrerem desgastes, contaminações química e efeitos físicos. Para ultrapassar isso o fabricante desenvolve um plano de manutenção para inspecionar, e reparar as potenciais avarias, evitando-as.

A correta manutenção influencia na segurança e confiabilidade do veículo. Mas não só, as manutenções preventivas servem para evitar perdas de desempenho e de eficiência. O motor pode perder potencia e/ou binário, mas o problema pode ser na caixa esta pode apresentar dificuldades na engrenagem de velocidades. A suspensão também é um elemento susceptivel, pode não cumprir bem a sua função reduzindo o conforto e a segurança.

Planeamento da manutenção vs. manutenção corretiva

Muitos proprietários, tanto de veículos particulares como de frotas, utilizam a prática da manutenção corretiva. Esta assenta na correção de avarias, falhas ou menor desempenho e eficácia demonstrados. Ou seja, deixam avariar, ou estragar, antes de efetuar a troca de peças necessárias. Esta prática envolve um risco agravado de acidentes, e da ocorrência de maiores prejuízos.

A manutenção preventiva, com o respetivo planeamento, consegue que os veículos sejam mais seguros, confiáveis e menos poluentes. Mas se quiser ver mais vantagens veja pelo prisma económico, o proprietário gasta menos caso efetue planeamento. Sabe, antecipadamente, quanto irá gastar e quanto tempo o veículo ficará indisponível. Assim pode programar a sua agenda, temporal e financeira, para o efeito.

Mesmo tendo conhecimento das vantagens do planeamento da manutenção muitos proprietários ainda dedicam a maior parte do seu tempo e recursos à manutenção corretiva. Tendo uma visão deturpada dos ganhos possíveis com o planeamento, chegando a considerar a própria manutenção preventiva como um custo supérfluo.

Na realidade, a manutenção preventiva quando bem planeada pode diminuir os custos globais da manutenção. Este fato é especialmente “estranho” quando se tratam de gestores pois além da redução de custos permite aumentar a produtividade dos veículos.

Foto | Tinker Air Force Base