C-IASI testa segurança dos modelos vendidos na China

Duarte Paulo

9 March, 2021

O mercado automóvel da China está a amadurecer, com isso surge mais responsabilização pela segurança

Os resultados da avaliação de segurança para sete modelos de automóveis foram anunciados pelo Instituto de Tecnologia de Automóveis, do China Insurance Research Institute. Este é o seu primeiro lote de resultados de 2021.

Conhecendo as marcas oriundas de joint ventures

File:Audi Q5L 01 China 2019-03-12.jpg

FAW-Volkswagen Audi Q5L

Os sete veículos testados foram o FAW-Volkswagen Audi Q5L, JAC Jiayue A5, FAW-Toyota RAV4, BMW Brilliance X3, NIO EC6, Dongfeng Qichen Qichenxing e Li Auto One. Mas primeiro uma apresentação destas marcas. A FAW-Volkswagen Automobile Co., Ltd. é uma joint venture entre o Grupo FAW, chinês, e o Grupo Volkswagen, alemão, que fabrica Audi’s e Volkswagen’s para venda na China. Foi fundada em 6 de fevereiro de 1991.

FAW-Toyota RAV4

A FAW Toyota é uma empresa de construção de automóveis com sede no distrito de Xiqing, Tianjin, na China. Foi fundada em 2000. É o resultado da joint venture entre a Toyota Motor Company, do Japão, e a First Automobile Works, da China. Em 2005 produziu o primeiro Toyota Prius fora do Japão. Em maio de 2020 procederam à reestruturação com o objetivo de alcançar um crescimento sustentável na China. Como parte da reestruturação, a Tianjin FAW Toyota Motor Co., Ltd. (TFTM) tornou-se numa afiliada de fabrico e supervisão da FAW-Toyota. Mas todas as outras afiliadas que fabricam carrocerias e motores tornaram-se subsidiárias integrais da TFTM.

BMW Brilliance X3

BMW Brilliance, fundada em 2003, tem a sua sede em Shenyang, na China. Trata-se mais uma vez duma joint venture, desta vez entre a alemã BMW e a chinesa Brilliance Auto. A sua principal atividade é a produção, distribuição e venda de automóveis de passageiros da marca BMW na China continental. Esta joint venture emprega cerca de 20.000 pessoas e possui uma rede de quase 400 fornecedores locais. É o principal “pagador de impostos” em Shenyang há 14 anos consecutivos.

Automóveis 100% “made in China” a teste

JAC Jiayue A5

JAC Motors, ou Anhui Jianghuai Automobile Co., Ltd., foi fundada em 1964, na China. Possui uma linha de veículos que abrangem diversos segmentos do mercado. É a maior fabricante de veículos comerciais ligeiros da China e é líder no fabrico de carros para exportação. Em 2019, exportou 640.000 unidades. Em maio de 2020 a Volkswagen comprou 50% da JAC Motors, deixando de ser detida exclusivamente pelo estado chinês.

NIO EC6

A NIO nasceu em Xangai. Foi fundada pelo Presidente da Bitauto e NextEV, William Li. Sendo investidores a Tencent, Temasek, Baidu, Sequoia, Lenovo, TPG e outras instituições de investimento de renome mundial. Estabeleceu 5 recordes para carros elétricos, com o modelo EP9, nas pistas de Nürburgring Nordschleife, Circuit Paul Ricard, Circuit of the Americas e no Shanghai International Circuit.

Dongfeng Qichen Qichenxing

Dongfeng Motor Corporation é uma das 5 maiores construtoras de automóveis chinesas. Foi fundada em 1969 e é propriedade do estado chinês. Além da marca própria esta empresa desdobra-se em imensas joint ventures, desde a Honda, Nissan, KIA, Stellantis (Peugeot e Citroen, não confundir com a nova empresa formada da união entre a Fiat Chrysler Automobiles e o PSA Group) e ainda com a Renault. Teve um volume de negócios superior a 90 mil milhões de dólares em 2018 e é responsável por mais de 150.000 empregados.

Li Auto One

Li Auto Inc, é um fabricante de veículos elétricos com sede em Pequim, as fábricas estão localizadas em Changzhou. Foi fundada em 2015 e é especializada em veículos híbridos plug-in (PHEV’s). O sistema híbrido compensa a escassa infraestrutura de carregamento de veículos elétricos da China. Mas serve também para uma melhor aceitação e habituação dos consumidores aos veículos elétricos. Desde o lançamento do seu primeiro modelo no final de 2019, a empresa vendeu cerca de 10.000 unidades.

Parametros avaliados

O teste de colisão do instituto “China – Insurance Automotive Safety Index” (C-IASI) é dividido em quatro categorias, a saber:
– Resistência ao choque e economia de serviço
– Segurança do ocupante
– Segurança do peão
– Outros sistemas auxiliares de segurança

Este instituto usa quatro classificações para avaliar a segurança dos veículos, são elas:
G = excelente
A = bom
M = médio
P = fraco.

Para resistência ao choque e economia de serviço, FAW-Volkswagen Audi Q5L, JAC Jiayue A5 e BMW Brilliance X3 receberam uma avaliação fraco. FAW-Toyota RAV4, Dongfeng Qichen Qichenxing e Li Auto One receberam classificações médias e o NIO EC6 foi classificado como bom. Para as outras três categorias, os sete receberam avaliações mais altas do que médias, obtendo excelentes, à exceção do modelo da JAC que ficou-se pela classificação “bom” nas categorias “Segurança do ocupante” e “Segurança do peão“.

China empenhada em definir a segurança como essencial

O instituto C-IASI afirmou que as suas regras de pesquisa e avaliação estão desempenhando um papel cada vez mais importante na melhoria da segurança e qualidade dos modelos disponibilizados no mercado automóvel na China. A segurança é uma prioridade para os compradores de automóveis, portanto, os resultados de segurança do instituto são indicadores importantes para os compradores de automóveis na escolha dos veículos.

Fang Zhongyou, presidente do centro de testes do instituto, disse que os modelos avaliados cobriam veículos tradicionais a gasolina e veículos de novas energias, levando em consideração marcas de “joint venture” e marcas nacionais chinesas.

Os teste da C-IASI são idênticos aos realizados pelas congéneres americana IIHS e europeia Euro-NCAP, sendo mais exigentes que os da local C-NCAP

O instituto afirma que convidou professores e especialistas na área de tecnologia e padrões de segurança automóvel de universidades e da indústria automóvel, de seguros e outras para rever os resultados para garantir que fossem profissionais, objetivos, honestos e justos.

O projeto C-IASI começou em só 2016 mas está se tornando num valioso sistema de avaliação independente para os consumidores, enquanto desempenha um papel positivo na melhoria da segurança automóvel chinesa.

Fonte: SHINE
Fotos | NIO, Wikimedia, FAW-Toyota, BMW Brilliance, JAC Motors, Dongfeng, Wikimedia

--

Posts Relacionados

Editores

Uma iniciativa da: