Ar condicionado e climatizador: encontre as diferenças

Redacción Circula Seguro

27 December, 2021

A função dos sistemas de ar condicionado e dos sistemas de climatização é muito semelhante. São, sem dúvidas, sistemas irmãos, mas não são idênticos. Vai comprar um carro e não tem certeza que sistema de ventilação escolher? Contamos as diferenças e as principais chaves de cada um deles para que possa escolher com critério.

Princípio de funcionamento

A grande diferença entre ambos é que o climatizador tem um sensor concebido para que possa esquecer de controlar a velocidade do ventilador e as saídas de ar, e que também permite atingir uma temperatura constante, independentemente da temperatura exterior. O princípio de funcionamento do ar condicionado e do climatizador é o mesmo: um gás comprimido que muda de estado por absorção de temperatura. Na verdade, os componentes principais do sistema são os mesmos, mas a regulação e mistura de ar é diferente.

No sistema de ar condicionado somos nós que devemos realizar a regulação da temperatura, a sua ativação ou desativação, e devemos abrir ou fechar as aberturas de ventilação por onde queremos ar. Portanto, não é um sistema autónomo. A sua vantagem: custa menos do que um sistema de climatização, pois incorpora menos elementos para o seu funcionamento.

Temperatura e humidade

Ao contrário do ar condicionado, o climatizador pode misturar ar frio com ar quente e garantir que tanto a temperatura como a humidade no interior do compartimento sejam corretas. Todo o sistema de climatização é controlado por uma unidade de controlo que, através de sensores, recebe informações sobre velocidade do ventilador, temperatura interior e exterior e das diferentes zonas do veículo: desta forma, o condutor só tem de selecionar a temperatura desejada e pode esquecer de tudo o demais.

Naturalmente, o sistema de climatização aumenta o preço do veículo, pois tem de ser equipado com uma série de sensores de temperatura exterior e interior, motores elétricos que movem as abas de entrada de ar no interior do veículo, através dos diferentes difusores, etc.

Uma temperatura para cada passageiro

Atualmente, a tendência é que os sistemas de climatização sejam cada vez mais sofisticados, incorporando opções de controlo climático com duas, três e quatro zonas. Desta forma, o sistema pode conseguir uma temperatura individualizada para cada passageiro.

Lembre-se que a temperatura ideal do compartimento para conduzir é de 19 a 22 graus centígrados. A esta temperatura, estamos muito mais confortáveis e, numa longa viagem, estaremos menos cansados e conduziremos com muito mais segurança. Lembre-se que a temperatura excessiva reduz a capacidade de reagir em qualquer imprevisto e pode também provocar sonolência e irritabilidade.

Etiquetas

Mais smart
--

Uma iniciativa da: