ISOFIX: Por que é mais seguro nas cadeiras de bebé?

Ines Carmo

13 November, 2020

A cadeirinha de bebé no carro é um dos acessórios imprescindíveis e fundamentais para a segurança dos passageiros mais pequenos. Para começar, sabe se o teu carro tem ISOFIX?


Há muita informação sobre Sistemas de Retenção Infantil (SRI), mas continua a haver quem não saiba o que é ou se o veículo tem sistema ISOFIX.

É preciso ter em atenção que nem todas as cadeiras de bebé do carro protegem da mesma maneira. Nesse sentido, ter ISOFIX no nosso carro pode ajudar-nos em vários aspetos, começando pela instalação da cadeira que adquiramos.

Antes mais, devemos saber que a normativa europeia sobre cadeiras infantis mudou em alguns pontos em 2017, baseando-se nas normas ECE R44/04 e a ECE R129 ou iSize. A MAPFRE, por exemplo, é uma das entidades que possui um guia completo sobre sistemas de retenção infantil. Neste ponto, o que nos importa saber é que a nova normativa iSize só dá homologação a cadeirinhas com sistema ISOFIX, o que demonstra a sua maior fiabilidade. Por isso, se for comprar um carro novo ou um novo SRI, preste atenção ao ISOFIX.

Em que consiste o sistema ISOFIX

Trata-se de um sistema de ancoragem que regula de forma universal (ou semiuniversal, por grupos) para a instalação de uma cadeira de bebé e reduz os riscos de erro de utilização, sobretudo em momentos de grande tensão como uma travagem ou num impacto. Assim, os pontos de apoio para os SRI nos ISOFIX estão soldados na própria carroçaria do carro.

ISOFIX

O sistema apareceu em 1997 e implementou-se no mercado no início da década passada nos Estados Unidos, onde passou a ser obrigatório em todos os carros fabricados após 2001. Desde então, a oferta de veículos com este sistema aumentou e perspetiva-se que cerca de 60% dos carros que circulam atualmente contem com este sistema.

A outra opção, para segurar uma cadeira de bebé, é a utilização do cinto de segurança do veículo. De facto, é uma opção que continua a ser utilizada habitualmente, seja porque o carro não tem ISOFIX, ou porque a cadeira não tenha essa ancoragem. Por isso é muito importante saber algumas coisas antes da aquisição.

Vantagens do ISOFIX face ao cinto

A Fundación MAPFRE assinala no seu guia a mais relevante e comum das vantagens do sistema sobre o cinto. Facilita notoriamente a tarefa de instalar a cadeirinha no veículo, aumentando assim a eficácia do sistema.

Vários estudos demonstram que até 80% dos pais e mais cometem erros ao instalar a cadeirinha do bebé no carro ou ao ajustar o arnês que sujeita a criança ao banco. 20% destes erros colocam a sua vida em risco em caso de acidente.

O motivo é que a montagem dos SRI com o cinto de segurança é mais complexa do que com o ISOFIX. Isto é assim pelo detalhe do processo, a precisão que temos de ter e a atenção que devemos prestar na instalação.

A montagem com ISOFIX é tão simples como encaixar as extensões rígidas da cadeirinha com a ancoragem. Alguns SRI dão essa informação de que as extensões estão corretamente ancoradas, através de uma linha verde que surge.

Top Tether ou pé de apoio

Os bancos com ISOFIX costumam ter também um terceiro ponto de ancoragem, também conhecido como Top Tether. Trata-se de um cinto próprio que sustenta a parte posterior da cadeirinha às costas do assento do carro ou bagageira no carro. Estas duas últimas opções variam segundo o modelo.

ISOFIX

Outra alternativa é o pé de apoio, que se estica entre a cadeira e o chão do veículo. Muitas das cadeiras que permitem a tão recomendada colocação em contramarcha contam com este pé de apoio. O objetivo desse terceiro ponto de ancoragem é evitar que a cadeira salte em caso de impacto. Há que entender que o Top Tether não substitui o ISOFIX ou o cinto de segurança nas cadeiras sem ISOFIX:

A segurança que o sistema ISOFIX traz não se limita apenas à instalação. Possui maior estabilidade em caso de impacto lateral e a rigidez da conexão entre a cadeira e o chassis permite que, em caso de travagem, ambas as partes desacelerem ao mesmo tempo. No caso do apoio com cinto, a cadeira começa a desacelerar uns milissegundos mais tarde.

Estas são as principais vantagens que o sistema ISOFIX oferece. A lógica da indústria parece indicar que este acabará por se impor definitivamente nos anos vindouros, dada a sua popularidade cada vez maior.

Fonte: CirculaSeguro.com

Imagens | iStock/Antonio_DiaziStock/SbytovaMN e  iStock/scyther5

Uma iniciativa da: