O que valorizam as pessoas quando compram um carro?

Miguel Alves

9 April, 2021

O que valorizam as pessoas num carro quando vão comprar um veículo foi o que quis saber o Observador Cetelem Automóvel 2021, num inquérito que lançou junto dos consumidores.

Em tempos de crise sanitária, a questão económica continua, mais do que nunca, a ser preponderante no processo de aquisição de uma viatura, explicam os autores da pesquisa.

A fim de reduzir os custos com o carro, os consumidores têm tentado conjugar diversos critérios.

O Observador Cetelem Automóvel 2021 procurou saber que medidas, em concreto, os inquiridos tomam para diminuir os custos da compra.

Assim, foi possível identificar que há inquiridos que abdicam de veículos maiores (32%), outros que optam por carro usado (27%) e outros ainda que escolhem marcas menos conhecidas/low-cost (26%).

Por outro lado, a segurança (9%), a robustez (10%) e o conforto na estrada (10%) constituem um trio ao qual os inquiridos consideram difícil de abdicar.

Proteção ambiental é um dos critérios que os inquiridos não querem abdicar

Segundo este barómetro, são já poucos os inquiridos dispostos a sacrificar a proteção ambiental – apenas 14% referiram estar disponíveis para abdicar dessa preocupação para reduzir os custos.

A sua reflexão vai ainda mais longe, com o desejo de que os veículos menos poluentes sejam favorecidos. Este favorecimento teria por base a redução do IVA (para 81% dos inquiridos), o apoio dos organismos e administrações locais através de compras preferenciais (78%) e condições preferenciais de circulação (67%).

Por fim, existe ainda uma aparente preocupação sobre o localismo (atenção à origem da produção/país onde o carro é feito) na escolha do automóvel – 74% dos inquiridos dizem que privilegiariam comprar um carro produzido ou montado, total ou parcialmente, no seu próprio pais. Em Portugal, esse número é de 68%.

Imagens | Pexels, Avinash Patel, Cottonbro

Posts Relacionados

Editores

Uma iniciativa da: