Controlo parental ajuda na segurança rodoviária

mykey

Imagine uma tecnologia que ajude o seu filho, ou filha, a se comportar melhor ao volante, impedindo alguns abusos por parte dos jovens, continue imaginando a existência de um equipamento que permita que os seus familiares idosos, que se esquecem constantemente de algumas coisas que consideramos básico e essencial para a segurança rodoviária, como por exemplo, colocar o cinto de segurança.

Esse dispositivo de controlo parental já existe e está instalado em vários milhões de automóveis desde há alguns anos e permite configurar diversos limites de forma a ser possível dar tranquilidade ao responsável pelo veículo. Saiba mais.

Mais de 6 milhões de veículos

A construtora americana, Ford, já possuí mais de 6 milhões de veículos com este tipo de tecnologia, a denominação que a marca usa para identificar esta tecnologia é MyKey, e está sendo usada tanto na marca principal como na Lincoln.

A tecnologia MyKey é publicitada como estando lá quando os pais não podem estar no carro com seus filhos adolescentes, incentiva adolescentes a usar o cinto de segurança, manter o volume do rádio para baixo, controlar a sua velocidade e prestar atenção na estrada e não seus smartphones.

Preocupação leva a controlo parental

Não há maior preocupação para os pais do que a segurança dos seus filhos, chegando à adolescência, as preocupações mudam de tom e de áreas, quando os filhos conduzem sozinhos pela primeira vez é uma grande apreensão para os progenitores.

A preocupação dos pais é mais do que apenas o instinto e a sensação de que a liberdade provocada pela autonomia ganha ao conduzir os poderá afastar deles, é também a constatação de que os números da sinistralidade são mais elevados nos jovens.

Esta tecnologia traz a possibilidade de não deixar que o jovem ultrapasse alguns limites, limites esses que potenciam a gravidade dos danos que podem provocar em si mesmos e aos outros utentes da via pública.

“Igual ao amor, não ao controlo”

O sistema MyKey foi inspirado pela determinação de Andy Sarkisian, gerente do departamento de planeamento e estratégia da Ford, para manter as suas duas filhas seguras quando estavam ao volante, expandindo essa segurança todos os ocupantes a bordo.

Sarkisian lembra “Nós estávamos tentando ter novas ideias e uma nova visão da segurança e perguntando-nos se ‘Há algo que possamos fazer para os nossos veículos – qualquer coisa que poderia acrescentar? – Para manter as nossas crianças mais seguras.”

A equipa de Sarkisian que está na Ford há 35 anos, avaliou qual seria a implicação na liberdade dos jovens usar um veículo com esse sistema e chegaram à conclusão que os adolescentes ainda podiam disfrutar da sua liberdade enquanto aprendiam a ser responsáveis ao volante.

“Não se trata de controlo, não é nada tão dramático”, diz Sarkisian. “MyKey é sobre o amor. Trata-se de ajudar os seus filhos gerir a transição da infância para a idade adulta, e mantê-los mais seguros, enquanto eles fazem isso “.

Sistema programável

A marca afirma que o sistema MyKey é facilmente programável e apresenta várias opções, por exemplo, um aviso persistente, soando sinos e silencia o rádio para lembrar os adolescentes, mas também os idosos que são mais propensos a este esquecimento, para a colocação do cinto de segurança. Uma mensagem no painel de instrumentos também é exibida.

O sistema pode controlar de volume do sistema de som a bordo limitando o sistema de áudio a 44 por cento do volume máximo. Um sinal sonoro de alerta é emitido quando a velocidade da viatura atinge os 70, os 90 e os 105 km/h, podendo ser limitada a velocidade máxima aos 130km/h.

É possível ainda bloquear as chamadas telefônicas recebidas e mantenha as mensagens de texto em um telefone emparelhado com o sistema Ford SYNC® quando os adolescentes estão ao volante. este sistema está disponível na Europa desde 2014 no modelo Fiesta.

Foto | Wendy Piersall