Ford cria sistema para reduzir ansiedade no Mach-E

Duarte Paulo

14 July, 2020

A Ford criou um sistema que reduz a ansiedade dos condutores do Mach-E

Todos os proprietários de veículos elétricos, especialmente numa fase inicial de utilização, sofrem de alguma ansiedade com as oscilações da autonomia indicada pelos seus veículos. Esse fato não passou despercebido dos técnicos da Ford. Inegavelmente a Ford criou um sistema que melhora a precisão deste sistema.

Retirar essa entropia no momento da decisão, pode ser decisivo para conseguir concretizar a venda do modelo americano. O Mustang Mach-E apresenta um sistema que calcula quando e onde devem carregar a bateria. Então esta ajuda reforça a confiança e ajuda o condutor a sentir maior tranquilidade. Para tal o novo Mustang Mach-E vem equipado com uma característica que o ajuda a fornecer previsões mais precisas da autonomia restante. Porém este sistema tem uma inovação, pois é evolutivo e melhorará com o tempo e com o acumular das experiências.

O sistema para reduzir ansiedade

O sistema chama-se ”Intelligent Range” e calculará a autonomia restante na bateria baseando-se no comportamento de condução anterior. Mas não só, recorrendo à Cloud irá prever a energia necessária para ultrapassar determinado percurso. Entretanto o sistema de bateria do veículo informa quanta energia tem disponível, enquanto o módulo do motor faz a monitorização da energia que está a ser usada.

Mas não só, uma temperatura mais alta ou mais baixa terá impacto na autonomia total, pelo que o “Intelligent Range” tomará, também, esse dado em consideração, atualizando a autonomia estimada ao longo do trajeto. Para tal o sistema usa também a experiência de outros modelos que já tenham efetuado o trajeto, para calcular melhor o gasto energético que será necessário despender para percorrer esse trecho de estrada.

Desta forma “Intelligent Range” do Mustang Mach-E pode calcular com precisão os quilómetros de autonomia restantes deste SUV elétrico. Ajudando a reduzir a ansiedade que resulta da necessidade de saber onde e quando o cliente pode carregar a bateria. “O cliente do veículo elétrico precisa de ter confiança nas previsões de autonomia”, afirma Darren Palmer, diretor de baterias para veículos elétricos, da Ford Global.

Confiança na previsão da autonomia

“As pessoas querem ter confiança que vão chegar ao destino, seja numa viagem ou no regresso a casa após o trabalho. A nossa nova função “Intelligent Range” ajuda a assegurar que os proprietários do Mustang Mach-E de todo o mundo saibam em que situações se encontram, a qualquer momento, para que possam disfrutar da viagem”, conclui Palmer.

O “Intelligente Range” melhora a precisão do calculo da autonomia dos Mach-E

Resumindo, o sistema para reduzir a ansiedade do Mustang Mach-E prevê com maior precisão a autonomia real. Pois analisa o comportamento de condução anterior, adiciona as previsões de meteorologia e dados enviados por outros veículos conectados. Desta forma ajuda a reduzir as paragens imprevistas para carregamento da bateria.

A tecnologia será atualizada automaticamente, pois o veículo está conectado permanentemente à internet. As atualizações serão sobre diversos fatores. Assim sendo terão em consideração as condições de tráfego em tempo real, o relevo do terreno e a variação da elevação do trajeto para obter previsões mais corretas. Entretanto avisam os condutores se necessitam de antecipar um carregamento, e talvez surpreendentemente ou não, indicando onde o pode fazer.

Contudo, no caso de um cliente ficar sem bateria, o programa de assistência na estrada para veículos elétricos irá disponibilizar um reboque do veículo até casa. Mas não só, pode optar pelo posto de carregamento mais próximo ou até ao concessionário Ford certificado.

Um dos truques é a conetividade

Entretanto os dados de outros veículos elétricos Ford conectados, que permitam a partilha da sua informação em estrada, podem melhorar consideravelmente as previsões. Desta forma o SUV 100% elétrico pode avaliar quanta energia é usada sob diferentes circunstâncias incluindo a variação de velocidade, e ainda, de terreno e das condições climáticas.

Pode, assim, recorrer às médias do conjunto de todas as unidades do Mustang Mach-E para melhorar os cálculos de autonomia, incluindo para trajetos e condições que um cliente em particular nunca tenha usado antes. Todavia se a autonomia se vir afetada de maneira considerável, por qualquer número de fatores no início da viagem, os clientes receberão um notificação destacando o novo cálculo de autonomia e os motivos da alteração. Assim ficarão livres de stress bem como sem a ansiedade de ficarem apeados.

Fotos | Ford

--

Uma iniciativa da: